quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Maquillage

Que jamais o ar te moa o corpo, que as lágrimas que prendes se escapem entre as axilas, que as perturbações que carregas se soltem entre fortes dormências nas tuas mãos. Que jamais a garganta ressequida te anuncie um deserto de perdão, que a dureza te desfaça a máscara, que as rugas te beijem o chão...

9 comentários:

  1. Não sei se fique intrigada ou perturbada.
    Está forte, a rima na ultima frase ficou muito bem. :D

    ResponderEliminar
  2. Não sei porquê, este tocou-me mais fundo. Arrepiaste-me. Bravíssimo.

    ResponderEliminar
  3. escreves tao bem
    gostei mesmo deste
    :D

    ResponderEliminar
  4. Entendido e apontado, não vou esquecer!

    ResponderEliminar
  5. eu adoro comida chinesa :P
    tenho um lookbook masculino no meu blog
    espero que gostes ;D

    ResponderEliminar
  6. claro qe sim
    ate nos chineses e outras lojas tem super lindos e baratos
    :D

    ResponderEliminar
  7. Boa descrição, senhor Portela :)

    Saudades!

    ResponderEliminar